Sobre

Missão

Transformar o Brasil em
uma nação esportiva.

Lema

O esporte inspira para uma transformação social, equilibra para um bem estar comum, enobrece para uma cidadania positiva e enche de orgulho uma nação.

Valores

Ética, Transparência, Trabalho em Equipe e Responsabilidade com si próprio e com terceiros.

Equipe


A Sou do Esporte é uma associação sem fins lucrativos que atua como rede de relacionamento entre atletas, entidades esportivas, poder público e o setor privado com o objetivo de massificar o esporte de desenvolvimento e estimular as boas práticas e a governança no esporte brasileiro.

FABIANA BENTES

JOANA CORTEZ

LUIS HAAS

LUIZ FELIPE M. BARROS

PAULA SATTAMINI NABHAN

FABIANA BENTES

Presidente da Sou do Esporte

Graduada em Comunicação Social – jornalista, pós-graduada em Relações Internacionais pela PUC-RJ, com MBA em Gestão Executiva pela Fundação Dom Cabral. Com mais de 20 anos de carreira, trabalhou com gestão de projetos em todos os setores: iniciativa privada, terceiro setor, administração pública, organismos internacionais, além do voluntariado.

Foi Secretária de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Rio de Janeiro e presidiu a Fundação para a Infância e Adolescência, além de membro efetivo do Conselho de Segurança Pública do Estado.

​Atuou como diretora de projetos no Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) liderando o projeto Maré que Transforma, na favela Complexo da Maré / RJ durante três anos, cujos parceiros eram o Fundo do Japão para o Desenvolvimento, Colgate, Visa, Fundação Barcelona e a Liga de basquete americana, NBA.

Fundadora da associação sem fins lucrativos Sou do Esporte, que atua com a Governança de entidades esportivas, geração de conteúdo qualificado e massificação do esporte para comunidades, atua com as favelas do Complexo do Alemão e da Maré, principalmente. SDE é a única representante da América Latina na Play The Game, organização dinamarquesa que combate a corrupção do esporte na Europa.

Como correspondente da Globonews, acompanhou o desarmamento dos paramilitares na Colômbia, trabalhou no laboratório farmacêutico GSK sendo a responsável pela união cultural e de comunicação dos laboratórios Glaxo Welcome e SmithKline Beecham no processo de fusão das empresas.

De forma voluntária, atuou como Vice-presidente dos Conselhos de Segurança Pública e de Esportes da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ) até setembro de 2019.

É diretora de Relações Institucionais do grupo de lideranças empresariais LIDE-RJ.

  • Na foto: III Prêmio Sou do Esporte 2017 – Homenagem especial a Eder Jofre – boxe

JOANA CORTEZ

Diretora Institucional – Ex-Atleta Olímpica de Tênis e número 1 do Brasil, representou a Seleção Brasileira durante 8 anos. Atualmente é atleta da Seleção Brasileira de Beach Tennis, Bi-Campeã Mundial e ex-número 1 do mundo. Publicitária, cursando pós-graduação em Comunicação Organizacional pela Universidade Estácio de Sá, formada no Curso Avançado de Gestão Esportiva do Comitê Olímpico do Brasil (COB) e Gestão de Entretenimento e Marketing Esportivo do IAG-PUC Rio. Membro da Comissão de Beach Tennis da ITF (International Tennis Federation).

LUIS HAAS

Consultor Goverança SDE – Doutorando em Sociologia e Gestão do Desporto e Professor Assistente Convidado na Faculdade de Motricidade Humana / Universidade de Lisboa onde leciona nos cursos de licenciatura e mestrado em Gestão do Desporto. Consultor e pesquisador em projetos relacionados à gestão e governança nas organizações esportivas (Prêmio Sou do Esporte Governança em Confederações Brasileiras e National Sport Governance Observer – Play the Game). Autor da Cartilha de Governança em Entidades Esportivas – Lei 9.615/98 (Ministério do Esporte/Inteligência Esportiva/ Sou do Esporte) e de capítulos de livros na área da governança nas organizações do esporte.

LUIZ FELIPE M. BARROS

Diretor de Governança – Especialista em Gestão e Marketing Esportivo pela Faculdade Trevisan, Membro Comitê de Fiscalização, Gestão e Operação da Permissão de Uso do Complexo do Maracanã. Coordenador do desenvolvimento da Matriz de Análise de Governança em entidades de administração do esporte, utilizada no Prêmio Sou do Esporte e Integrante do Grupo de Estudos do Danish Institute for Sports Studies/Play the Game, que desenvolveu a Ferramenta internacional de Benchmarking NSGO – National Sports Governance Observer. Com experiência em projetos esportivos relacionados ao automobilismo, basquete, futsal, futebol, rugby e esportes de ação.

PAULA SATTAMINI NABHAN

Diretora de Arte & Produção – Designer gráfico, formada pela PUC-Rio, com especialização em direção de arte.
Atuou em diversos seguimentos, escritório de design, produtora audiovisual, cinema e esporte.

Social

"O esporte tem o poder de mudar o mundo, tem o poder de inspirar, de unir as pessoas de uma forma que poucas outras coisas conseguem. O esporte conversa com jovens de uma forma que eles entendem. Ele pode criar esperança, onde antes havia apenas desespero. É muitas vezes mais eficiente do que o governo em quebrar barreiras sociais."

Nelson Mandela

Nosso trabalho social é de extrema relevância para a massificação do esporte e o desenvolvimento de comunidades de forma sustentável.

A Sou do Esporte sabe que a educação é imprescindível para o desenvolvimento do país, no entanto, pela nossa experiência em favelas, é o esporte que, a curto prazo, abre o caminho para resgatar e reinserir crianças e jovens que estão fora da escola e que não conseguem ou não querem ser reintegradas.

A Sou do Esporte acredita que o esporte é aliado fundamental da educação, da cidadania, da segurança pública e é a primeira porta aberta ao convívio social sem distinção de cor, raça, gênero, condição financeira, orientação sexual ou religiosa.

A Sou do Esporte acredita que a força das comunidades está dentro delas mesmas e, por isso, valoriza as organizações sociais voluntárias dos próprios moradores.

O projeto da Sou do Esporte para 2020 é mapear estas organizações e capacitá-las em gestão, liderança, leis de incentivo ao esporte e auxiliá-las na constituição jurídica da associação para que tenham acesso ao patrocínio formal.

Para 2020, a atuação da Sou do Esporte será no Complexo da Maré, Rio de Janeiro, com o objetivo de capacitar 30 organizações que atendem a mais de mil crianças e jovens.

Para que possamos atingir a este objetivo, sua empresa pode fazer parte desta transformação, investindo, apoiando ou fazendo uma doação para a Sou do Esporte. Envie um e-mail para mais informações: soudoesporte@soudoesporte.com.br

  • Importante: Sua empresa pode apoiar diversas iniciativas em comunidades do Rio de Janeiro. A Sou do Esporte também executa, além de projetos próprios, projetos de terceiros e de empresas parceiras.

Serviços

Estudos, consultoria e fomento de boas práticas de gestão e governança de entidades esportivas, buscando o desenvolvimento do esporte brasileiro.

Eventos, publicações e conteúdo esportivo/educacional personalizado para empresas.

Realização de projetos sociais esportivos próprios e/ou de terceiros, além de suporte multidisciplinar para comunidades.

TOP